quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Aumento de 24% dos procurados pela Polícia em São Paulo

    As polícias paulistas têm, hoje, 130.985 foragidos da Justiça para prender. Esse número representa um aumento de 24% em relação ao número de mandados de prisão não cumpridos há um ano, quando havia 105.639 suspeitos de crimes à solta em todo o Estado. 

    A captura de todos os foragidos é o suficiente para lotar 170 CDPs (Centros de Detenção Provisória) do mesmo tamanho dos construídos nos últimos anos pela gestão do governador Geraldo Alckmin com capacidade para abrigar 768 detentos.

    A quantidade atual de mandados de prisão expedidos pela Justiça paulista à espera de cumprimento equivale a 57% da população prisional paulista, que, em maio deste ano, estava em 229.543 presos. Historicamente, os presos custodiados nos presídios paulistas representam cerca de um terço da população carcerária de todo o País. 

    O dado mais atualizado de todo o Brasil tem por referência dezembro de 2014, quando havia 622.202 presos. O número atual de detentos no Estado de São Paulo equivale a 36% disso. As informações são do site jornalístico Fiquem Sabendo, com base em dados da Secretaria de Estado da Segurança Pública obtidos por meio da Lei nº 12.527/2011 (Lei de Acesso à Informação).
    Reproduzido do Diário de Sorocaba

Nenhum comentário:

Postar um comentário