Restaurantes, Pousadas e Pizzarias

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Polícia Militar de Tatuí captura casal acusado de ferir esposo e matar a esposa em Peruíbe-SP


   
Rodrigo
A Polícia Militar de Tatuí capturou um casal procurado pela Justiça, acusado de cometer  um homicídio consumado e um homicídio tentado, as vítimas são esposa e esposo e os crimes cometidos na madrugada de 01 de dezembro de 2016, em Peruíbe-SP. 


    Na quinta-feira à tarde, 05/01), alguém informou à Polícia Militar que uma casal acusado de homicídio consumado e homicídio tentado em Peruíbe estaria escondido numa casa da Rua Francisco Mota Fiuza, no Bairro São Conrado, em Tatuí. 

    A equipe policial foi ao local e abordou a mulher, que inicialmente forneceu nome falso e depois informou sua identidade. Pesquisa confirmou que Tayane Maciel Domingos era procurada pela Justiça. 
Tayane


Em outra rua no mesmo bairro, a polícia localizou o marido dela, Rodrigo Marques Barbosa, que teria cometido os dois crimes em ação conjunta com sua esposa. 

    Quem denunciou o casal para a Polícia Militar acompanhou reportagem pela televisão sobre os crimes e ao ver o casal reconheceu. Leia abaixo texto do Site A Tribuna de Peruíbe, que narra a dinâmica dos crimes atribuídos ao casal Tayane Maciel e Rodrigo Marques.   

Briga entre amigos, após sumiço de celular, termina em morte

    O sumiço de um telefone celular serviu como motivação para um desentendimento entre amigos que terminou em morte, no Guaraú, em Peruíbe, na madrugada de quinta-feira (01/12/2016). Após passar a noite ao lado do marido na moradia de um casal de amigos, Simone Grecco Alonso, de 46 anos, foi assassinada no quintal de sua residência. 
    O seu companheiro, um lavador de carros de 26, foi ferido com uma facada no abdômen, mas conseguiu fugir pulando o muro do próprio imóvel. Ao retornar, ele encontrou a mulher morta com diversas perfurações. Durante uma rápida conversa com a polícia, o lavador de carros afirmou que o crime foi cometido pelo casal com o qual ele e Simone estiveram reunidos horas antes. 
    Ainda de acordo com o homem ferido, no meio da tarde ele e a mulher foram à casa dos acusados, onde permaneceram conversando e tomando cerveja até meia-noite. Já no início da madrugada, as vítimas retornaram para casa, no mesmo bairro. Minutos depois, o casal de amigos bateu à porta. 
    Armados com duas facas, os supostos agressores foram atendidos pelo lavador de carros, que foi acusado de ter furtado um telefone celular enquanto todos bebiam. 
    Ao negar o crime, ele foi golpeado com uma facada no abdômen. Apesar da lesão, o lavador de carros conseguiu fechar a porta e, com a ajuda de Simone, fugiu pulando o muro dos fundos. Ele tinha convicção de que o problema do casal era com ele. Não com a companheira. 
                          De bruços no quintal
    Horas depois, o lavador de carros retornou à moradia e encontrou tudo aparentemente calmo. Porém, ao chegar no quintal, avistou Simone caída de bruços. Ao revirá-la, viu diversos ferimentos causados por facas e percebeu que a mulher estava morta. Desesperado, acionou a Polícia Militar, que chegou com uma perita criminal e investigadores da Delegacia da Cidade. 
    Após todos os procedimentos na casa, as autoridades acionaram um carro funerário e o corpo de Simone foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) de Santos. Por conta da lesão, o lavador de carros foi encaminhado a uma unidade médica e permanece em observação. Segundo o delegado Bruno Mateo Lázaro, as investigações do caso já estão em andamento. 
    Entretanto, até o fechamento desta edição a polícia não tinha informações sobre o paradeiro do casal suspeito. “Estivémos no imóvel dos acusados, mas eles não foram localizados. Está tudo muito recente para fazer qualquer afirmação”, disse o delegado, que comanda as diligências.
    Não dá para viver sem notícia

Nenhum comentário:

Postar um comentário