Restaurantes, Pousadas e Pizzarias

quarta-feira, 29 de março de 2017

Comandante da 1ª Cia do 40º BPMI garante que o efetivo vai intensificar ações no Jd Tatiana, em Votorantim


    Na quarta-feira pela manhã, 29/03, o comandante da 1ª Cia do 40º BPMI sediado em Votorantim, o capitão Divaldil de Souza Rocha falou ao Sorocaba Notícia, que definiu cronograma de atuação objetivando intensificar o policiamento preventivo no Jardim Tatiana, em Votorantim.

O comandante afirmou que além das ações planejadas para combater o problema de venda de drogas na Praça da Rua 02 naquele bairro, ele (capitão) irá contatar com a Prefeitura de Votorantim para saber se há possibilidade no sentido do efetivo da Guarda Civil Municipal atuar na referida praça. O capitão Divaldil acrescentou que seu efetivo também intensificará ações para inibir outros delitos como furto e roubo.

"A Polícia Militar age com planejamento ao analisar estatísticas criminais e após ouvir denúncia pelo telefone 190 ou 181, vejo que nos últimos meses ocorreram apenas quatro registros de casos em que a Polícia Militar atuou naquele bairro, é preciso que o cidadão registre ocorrência e utilize estes canais de contato para denunciar. Outra viabilidade é o cidadão comparecer nas últimas quintas-feiras de cada mês a partir das 19h30 na Câmara de Vereadores de Votorantim, onde é realizada reunião do Conselho Comunitário de Segurança Pública, em que ouve reclamação e sugestão para aprimorar ações de segurança no município", concluiu o capitão. Leia a seguir matéria em que Sorocaba Notícia publicou a situação daquele bairro.

Cadê a PM? Vendedores de drogas ocupam espaço público no Jardim Tatiana em Votorantim
    Sorocaba Notícia ouviu reclamação de cidadãos que uma praça situada na Rua 02, no Jardim Tatiana, em Votorantim é ocupada por vendedores de drogas de tal maneira que moradores daquele bairro não frequentam mais o espaço público onde há uma academia ao ar livre.

    De acordo com a reclamação, de segunda a quinta-feira os vendedores de drogas (crack, cocaína e maconha) ocupam os espaços da praça a partir das 17h e vendem drogas abertamente, quem passa pela praça é abordado pelos infratores oferecendo as substâncias proibidas como se não temessem repressão policial; sexta, sábado, domingo e feriados a concentração dos traficantes inicia a partir das 18h e permanecem até o final da madrugada. A reclamação não pára por ai, há quem informa a concentração de usuários de entorpecentes na praça, é uma expressão de que onde há mel concentram-se as abelhas. 

    "Esta situação é insuportável nós que somos do bem temos que evitar de frequentar um espaço público que foi criado para nosso lazer e pratica de exercícios físicos que favorecem à saúde", reclamou uma cidadã daquele bairro. Sorocaba Notícia vai contatar com a 1ª Cia do 40ºBPMI em Votorantim para saber quais às providência adotadas com relação ao fato. Aguardem outras matérias sobre este caso.

    Segredo da credibilidade é ser fiel ao fato

Nenhum comentário:

Postar um comentário