quinta-feira, 27 de julho de 2017

Desfecho do Crime - Justiça determina tratamento psiquiátrico à professora Vera Stelzer que sequestrou ex-aluna em Piedade


    A justiça em Piedade absolveu a professora Vera Lúcia Stelzer Machado, 52 anos, acusada de sequestrar sua ex-aluna adolescente (D.A.D.M.), que reside em Piedade, e estudava na Escola Estadual Maria Paula, na mesma cidade. 

    Não houve pagamento de resgate, a eficiência da Polícia Civil garantiu libertação da vítima e prendeu a professora. Crime ocorreu em junho de 2016.


    Este ano, a justiça absolveu Vera Stelzer da acusação de sequestro artigo 159 do Código Penal, por considerar que o laudo pericial concluiu que a docente necessita de tratamento psiquiátrico, essa foi a causa que convenceu a justiça absolvê-la e em seguida determinar a internação da professora Vera Stelzer por período indeterminado (medida de segurança) até que cesse sua periculosidade. 

    Desde 31 de maio de 2017, Vera Stelzer está presa na ala feminina do Centro de Detenção Provisória de Pinheiros, na capital paulista, aguardando tratamento psiquiátrico.

    Quem comete crime está sujeito a pão de angústia e água de amargura


Nenhum comentário:

Postar um comentário