sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Cavalaria da PM comemora 125


    O secretário da Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa Filho, participou, nta quarta-feira ,11/10, da solenidade de aniversário do Regimento de Polícia Montada (RPMon) – Cavalaria 9 de Julho, que completa 125 anos.
    Mágino agradeceu os trabalhos realizados pela equipe que atua na Cavalaria. “O Regimento e os trabalhos desenvolvidos por esses homens e mulheres são de extrema confiança da população”, enfatizou o secretário.
    O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Nivaldo César Restivo, também participou do evento e destacou a atuação do Regimento em favor da segurança pública. “Quero parabenizar a tropa pelo aniversário e pelo trabalho de segurança em prol das pessoas do Estado de São Paulo”, disse.
    Durante a comemoração, 43 personalidades que contribuíram com a unidade policial receberam a medalha “Centenário do Regimento”.
                    O Regimento de Polícia Montada
    Atualmente comandada pelo tenente-coronel Ronaldo Miguel Vieira, a Cavalaria foi criada em 11 de outubro de 1892. O regimento possui o nome da data que marca a Revolução Constitucionalista de 1932. A denominação foi iniciativa do então governador Jânio Quadros, em 1955.
    O tenente-coronel falou da tradição e importância da Cavalaria para a segurança pública. “O emprego do Regimento na segurança pública é fundamental. O policiamento montado possui grandes característica e por isso é utilizado na sociedade”, ressaltou.
    Atuante em operações especiais rurais e urbanas e no auxílio de grandes eventos e controle de tumultos, o efetivo da Cavalaria patrulha em áreas periféricas, parques públicos e estádios.
    Além da sede do RPMon, na Rua Doutor Jorge Miranda, bairro da Luz, centro da Capital, existem mais 15 unidades nas cidades de Avaré, Bauru, Campinas, Campos do Jordão, Guarujá, Itapetininga, Marília, Sorocaba, Rio Claro, Ribeirão Preto, São Bernardo do Campo, Mauá, Presidente Prudente, Santos e na Academia do Barro Branco.
    Os cavalos do regimento são higienizados e possuem assistência veterinária 24 horas por dia. Além dos tratamentos diários, também passam por acompanhamento nutricional com alimentação balanceada a base de feno, e vermifugação periódica. A sede também conta com um centro cirúrgico.
    Reproduzido da Secretaria de Segurança Pública-SP

Nenhum comentário:

Postar um comentário