quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Mulher cai no "canto da sereia" e paga R$ 17 mil a um homem por um terreno da Prefeitura de Piedade

    Uma mulher compareceu na Delegacia de Piedade para registrar queixa, que em julho de 2017, ela pagou R$ 17 mil por um terreno localizado na Rua Tirso de Camargo, no Conjunto Habitacional Marino Godinho CDHU.

    Segundo ela, o homem que lhe vendera o terreno teria alegado que ele era o proprietário do terreno. Recentemente a surpresa, a mulher contratou serviço de terraplanagem no terreno, quando iniciou a execução do serviço, um fiscal da Prefeitura foi ao local e embargou o serviço afirmando que o terreno pertence a Prefeitura de Piedade. A Polícia Civil investiga suposto estelionato artigo 171 Código Penal.

    Não dá para viver sem notícia   

Nenhum comentário:

Postar um comentário