Restaurantes, Pousadas e Pizzarias

terça-feira, 24 de julho de 2018

Denúncia detalha mercância ilícita por duas irmãs no Jd América, em Salto de Pirapora



    VIA TELEFONE 199 a Guarda Civil Municipal recebeu denúncia de que duas irmãs realizavam tráfico de drogas na residência delas, na Rua Benedito Chuerman de Barros, no Jardim América, periferia de Salto de Pirapora, e que a droga era escondida numa caixa de energia elétrica no muro, próximo ao portão da residência.

    Guarnição da GM formada por Braga e Mauricio com apoio da Polícia Militar foram averiguar a denúncia e encontraram uma adolescente de 14 anos em frente à residência. Durante averiguação, localizaram 27 porções de maconha dentro da caixa de energia elétrica e pelo interior da casa encontraram mais uma porção de maconha e R$ 81,00 no interior do guarda-roupas. No interior do quarto próximo ao guarda-roupas estava Franciele Almeida da Cruz, 23 anos.


    Apreendida a materialidade, e conduzidas as duas irmãs para a Delegacia da cidade. Nenhuma delas assumiu responsabilidade pela droga que estava dentro da caixa de energia elétrica nem pela droga que estava no interior do guarda-roupas. 

    A autoridade policial liberou a adolescente de 14 anos e prendeu Franciele por tráfico de droga artigo 33 da lei 11.343/06 e por corrupção de menor artigo 244-B do Estatuto da Criança e Adolescente(audiência de custódia). 

                 Outra denúncia

    Após apresentar o caso das duas irmãs na Delegacia, os guardas Mauricio e Braga foram averiguar outra denúncia de tráfico de entorpecentes na residência de um adolescente de 16 anos, no Jardim Ana Guilherme. 

    A genitora do adolescente autorizou averiguação pelo interior da casa. Dentro do guarda-roupas encontraram oito porções de maconha pesando vinte e oito gramas.
Adolescente Apreendido
 


    Ao término do registro na Delegacia, por ato infracional de tráfico de droga artigo 33 da lei 11.343/06, o menor foi levado ao Fórum de Salto de Pirapora. 

    O curador da infância e juventude requereu medidas socioeducativas. O adolescente estará apreendido por até cinco dias aguardando vaga na Fundação Casa. Os dois casos ocorreram terça-feira à tarde, 24/07.

    
    Aqui a Notícia Chega Chegando! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário