sábado, 7 de julho de 2018

Guarda à paisana vai tomar sorvete com a família e ao presenciar briga intervém evitando homicídio na Praça da Matriz, em Salto de Pirapora

Vítima Caída Antes da Ambulância Chegar

    TRÊS HOMENS brigavam: Joel Matos de Oliveira enfrentava os irmãos Leonardo Cassiano e Cristiano Cassiano, um dos irmãos desferiu soco atingindo a boca de Joel Matos, ao sentir a bofetada Joel Matos sacou um canivete e desferiu golpe atingindo a lateral esquerda do abômen de Leonardo Cassiano. 

    Leonardo Cassiano caiu, Joel Matos investiu para desferir mais golpes. Naquele momento o guarda municipal Cristiano Braga que estava à paisana, juntamente com esposa e filha iam tomar sorvete numa sorveteria. O guarda interveio retirando Joel Matos e em seguida o guarda sacou sua pistola e deteve o agressor.

    Ambulância da Prefeitura socorreu e levou a vítima ao pronto-atendimento da Santa Casa da cidade. Apos ser atendido naquele hospital Leonardo fora encaminhado ao Hospital Regional de Sorocaba. Cinco horas depois do fato o Hospital Regional liberou a vítima(escapou de morrer).
Joel Matos


    O delegado Irani Barros prendeu Joel matos por homicídio tentado artigo 121 combina com artigo 14, ambos do Código Penal(audiência de custódia). O crime ocorreu sábado à tarde, 07/07, na Praça da Matriz, Centro de Salto de Pirapora. 

    Existe quem versa que o desentendimento teria ocorrido porque Joel Matos ganha dinheiro olhando veículos na região central da cidade e não aceita pessoa que ingere bebida alcoolica se aproximar do "ponto" onde Joel fica olhando os veículos. Os dois irmãos chegaram por lá e Joel teria tentado retirá-los, isto gerou desentendimento e briga resultando na tentativa de homicídio. 

    Segredo da credibilidade é ser fiel ao fato!

Nenhum comentário:

Postar um comentário