Restaurantes, Pousadas e Pizzarias

segunda-feira, 10 de setembro de 2018

Em dias chuvosos e noites frias eles estão nas ruas defendendo o cidadão: sargento Adail e soldado Laureano honram a farda da PM em Salto de Pirapora


    SOROCABA NOTÍCIA destaca atuação dos policiais militares 1º sargento Adail e o soldado Laureano, ambos lotados na 3ª Cia do 40º Batalhão da Polícia Militar-SP sediado em Votorantim. Em ocorrências atendidas pelos dois policiais verifica-se compostura e bravura, e atuam de acordo com os princípios da Corporação e da lei.

    Adail nasceu na região nordeste do país, ainda criança foi trazido para São Paulo. Desde menino sonhava pertencer as fileiras da Polícia Militar-SP. Na adolescência trabalhou vendendo verduras em feiras. Durante o trabalho nas feiraras ele não esquecia o sonho de ser policial. Em 1990 Adail realizou seu sonho sendo empossado nas fileiras da Polícia Militar-SP. Começou trabalhar em Guarulhos, na Grande São Paulo. 

    Há quase 20 anos, o atual 1º sargento Adail veio da Capital Paulista para atuar na região de Sorocaba 7º BPMI, e foi em Sorocaba que Adail atuou em um caso que segundo ele marcou sua carreira. 

    Em princípio o COPOM irradiou para atender um caso de agressão contra mulher numa via pública do Bairro Mineirão. Sargento Adail e seu colega rumaram ao local solicitado e lá chegando viram uma mulher em trabalho de parto. Adail realizou o parto da mulher.

    "Foi um caso que não esqueço pois fomos atender um suposto crime e deparamo-nos com a mulher em trabalho de parto, eu tive que fazer o parto em condições precárias: sem luva, sem equipamento"; comenta Adail. 

    Frase do sargento Adail: Declaro-me policial vocacionado, quem é vocacionado atua brilhantemente e realiza-se como pessoa"! Três anos depois do parto, o sargento Adail encontrou a mulher por acaso em Sorocaba e ela lhe disse este é o menino que o senhor realizou meu parto. Atualmente sargento Adail está lotado na 3º Cia em Salto de Pirapora e forma dupla com o soldado Laureano. 

    Em 2010 o soldado Laureano formou-se em Biotecnologia, no ano seguinte o sorocabano Laureano ingressou na Polícia Militar-SP, atuando inicialmente em Guarulhos. E foi no Parque Alvorada, em Guarulhos, uma das ocorrências que destaca o tino do soldado Laureano. Num domingo à tarde, o soldado Laureano e outro policial avistaram um senhor tentando abrir a porta de um mercado, e dois homens ao seu lado. 

    A situação acendeu a luz da suspeita por isso os policiais decidiram abordar os três homens. Desceram da viatura sem que os homens percebessem, se aproximaram sutilmente e abordaram os três homens. 

    Dois homens portavam arma de fogo, o terceiro homem era uma vítima de assalto. Quatro ladrões renderam o gerente do mercado e outro funcionário do mercado. Dois ladrões pegaram o carro e mantiveram o funcionário sob mira de armas. Os outros dois criminosos agrediram o gerente com coronhadas e o levaram ao mercado obrigando abrir a porta do mercado porque pretendiam roubar dinheiro e mercadorias.

    Ao saber do crime, o soldado Laureano exigiu dos ladrões detidos o número do celular dos outros criminosos, e telefonou informando que a "casa havia caído" os dois criminosos que renderam o gerente estavam presos, e disse ainda que aos outros marginais só restava abandonar o veículo e libertar o funcionário. Os ladrões abandonaram o carro e libertaram o funcionário. 

    "Em caso de suspeita é necessário abordagem, sempre com educação até mesmo se abordar um delinquente na condição de procurado não devo agir com truculência meu dever é conduzi-lo à Delegacia"; diz Laureano. 

    Merecem Ovação! 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário