sábado, 10 de novembro de 2018

Agente penitenciário que mora em Guareí e trabalha em Mairinque é preso por tráfico e corrupção de menor


    POLÍCIA CIVIL em Guareí recebeu denúncia que na residência de um agente penitenciário existia aglomeração de rapazes característica de ponto de tráfico de drogas. A polícia pediu autorização para entrar na residência. A justiça expediu mandado de busca domiciliar.

    Quinta-feira à tarde, 08/11, a polícia foi cumprir a ordem judicial e encontrou no citado endereço o agente penitenciário Marcos Rodrigues Soares, 27 anos, a esposa dele Valquíria Pacheco e dois adolescentes. Averiguando pelo interior da casa situada na Rua Virgílio Trindade de Ávila, no perímetro urbano de Guareí, os investigadores localizaram ramos de cannabis sativa (maconha), doze bitucas de cigarros de maconha e um tablete de maconha.

    Ao ser indagado, Marcos Soares informou ser agente penitenciário na unidade prisional em Mairinque-SP, e por isso preferiu cultivar maconha em estufa para evitar ir comprar em biqueira (ponto de venda de droga). 

    A equipe policial apreendeu a materialidade aproximadamente 90 gramas de drogas e deteve o agente penitenciário e sua esposa, como também os dois adolescente de 17 anos. 

    Na Delegacia, a autoridade policial liberou os adolescentes, como também a esposa do agente penitenciário e prendeu o agente Marcos Soares por tráfico de drogas artigo 33 da lei 11.343/06 e por corrupção de menor artigo 244-B do Estatuto da Criança e Adolescente (audiência de custódia).

    Notícia sem detalhe não é verdadeira, é suposição!

Nenhum comentário:

Postar um comentário