quarta-feira, 7 de novembro de 2018

"Moça do Encontro" permanece presa e seu namorado também, audiência no Fórum de Salto de Pirapora será em 2019

    A JUÍZA Thais Galvão Peluzo titular da Comarca de Salto de Pirapora enxergou indicativo de indícios de autoria, portanto, recebeu denúncia do ministério público que pede reprimenda ao casal Alexandre da Silva Barbosa e Dhully Milena França presos em flagrante por roubo de carro desde o início deste ano; crime cometido em Salto de Pirapora, e ambos presos durante acompanhamento realizado por policiais militares de Sorocaba.

    Na denúncia,  o representante do Ministério Público pugna pela condenação dos réus como incursos no artigo 157, parágrafo 2º, incisos I e II combinado com artigo 29, ambos do Código Penal. A magistrada manteve os acusados presos e designou audiência no Fórum de Salto de Pirapora em 26 de fevereiro de 2019.

    Pela denúncia do ministério público, o indivíduo Alexandre Barbosa ajustado com outro indivíduo renderam a vítima (um vendedor que mora em Votorantim) e roubaram o carro dele. O vendedor teria sido atraído para Salto de Pirapora por Dhully Milena, que ficou conhecida como a "Moça do Encontro". 

    A vítima (vendedor) teria conhecido ela pela internet e marcou encontro com ela em Salto de Pirapora; Dhully teria informado o local do encontro para os indivíduos roubarem o carro do vendedor. Relembre o caso abaixo.

Vendedor que reside em Votorantim é assaltado num encontro que marcou pela internet com moça de Salto de Pirapora
Alexandre e Milena o "Casal 20"

    VENDEDOR, 35 anos, residente em Votorantim, fez amizade pela internet com a moça Dhully Milena Franca Pereira, 31 anos, que reside na Vila Floriano, em Salto de Pirapora, (mesmo sendo online conversa vai conversa vem) enfim, ambos marcaram encontro em determinado local de Salto de Pirapora.

    O vendedor saiu de Votorantim por volta de 01h50, ao chegar no local visualizou a moça, ela entrou no carro, desligou o motor e retirou a chave da ignição. Rapidamente surgiram dois elementos que renderam o vendedor. Um elemento assumiu a direção do veículo e o outro elemento obrigou o vendedor entrar sentar no banco de trás, o elemento sentou-se ao lado do vendedor e encostou um objeto pontiagudo na lateral do seu abdômen.

    O veículo circulou por diversos lugares até chegar numa estrada sem asfalto. Os elementos pegaram uma blusa que havia no interior do carro e amarraram o vendedor e lá abandonaram-no. Os ladrões fugiram com o veículo Onix de cor preto. O vendedor conseguiu livrar-se da amarra e caminhou até encontrar um condomínio, onde pediu ajuda. 

    O vendedor acionou a Polícia Militar. O caso foi lançado na rede de comunicação. Policiais receberam informação via monitoramento de vias que o veículo Onix circulava pela Avenida Armando Pannunzio, em Sorocaba, e seguiu em direção a Salto de Pirapora, adiante o veículo retornou pela mesma Avenida e ao chegar em frente a Faculdade Anhanguera o veículo chocou-se com um poste.

    Os policiais militares aproximaram-se e detiveram o condutor Alexandre da Silva Barbosa de 19 anos, que mora no Jardim Paulistano em Salto de Pirapora, e também detiveram a namorada dele Dhully Milena (a moça do encontro). Alexandre Barbosa confessou o crime e a participação de sua namorada. 

    Os policiais apresentaram o caso no Plantão Policial da Zona Norte de Sorocaba. O vendedor compareceu na Delegacia e reconheceu a moça do encontro e o namorado dela. O delegado Carlos Alberto de Oliveira devolveu o carro ao vendedor e determinou prisão em flagrante do casal por roubo artigo 157 do Código Penal (audiência de custódia). O caso ocorreu na madrugada de segunda-feira, 07/05.

    Notícia sem detalhe não é verdadeira, é suposição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário