sexta-feira, 4 de janeiro de 2019

Professor é preso por masturbação diante de uma moça no Centro de Salto de Pirapora


    MOÇA (G.M.A. 20 ANOS) afirma que estava pela Rua São João, no Centro de Salto de Pirapora, quinta-feira, 03/01, por volta das 19h30, quando um indivíduo abriu a porta de um Palio branco, retirou o orgão genital iniciando masturbação e chamando-a para se aproximar dele. Ela afirma que correu; ele a perseguiu, contudo não conseguiu alcança-la.

    Ela chamou seu pai e citou o modelo, a cor e a descrição da placa do carro. A moça informou que o carro seguiu pela Rodovia João Leme dos Santos, o pai dela acionou a Guarda Civil Municipal e relatou o fato, citou modelo do carro, cor e a descrição da placa do veículo. 

    Os guardas Cristiano Braga e Maurício consultaram a descrição da placa e identificaram o endereço do proprietário do veículo, diante disso diligenciaram pela Rodovia SP 264 chegando até o Bairro Dallas, naquele bairro encontraram o veículo circulando. Houve acompanhamento até interceptar o carro. Ao ser indagado pelos guardas, o homem que estava sozinho no carro disse que apenas teria tentado chavecar a moça.

    O indivíduo Silas Chagas Ferreira, 33 anos, é professor de Filosofia numa escola estadual em Sorocaba, e reside no Bairro Dallas, em Salto de Pirapora. Ele foi levado à Delegacia de Polícia de Salto de Pirapora. O delegado Gilberto Montenegro Costa Filho ratificou flagrante por importunação sexual artigo 215-A CP (pena de 3 anos). Depois do flagrante Silas foi encaminhado para Cadeia em Pilar do Sul, posteriormente será apresentado em audiência de custódia no Fórum de Sorocaba. De acordo com o guarda Cristiano Braga, depois da captura do indivíduo apareceu outra vítima acusando-o.

    Aqui a notícia chega chegando! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário