quinta-feira, 28 de fevereiro de 2019

Condenado a 13 anos de cadeia por ter molestado sexualmente uma filha de 09 anos é preso pela Polícia Civil de Salto de Pirapora


    AJUDANTE DE SERVIÇOS GERAIS Pedro de Assis, 46 anos, está preso desde terça-feira pela manhã, 26/02, quando os policiais civis Antonio, Thiago e Erick o capturaram na casa dele situada na Rua Gabriel de Carvalho, Bairro Itinga, em Salto de Pirapora. 

    A polícia cumpriu mandado judicial expedido pela 4ª Vara Criminal de Sorocaba, que condenou Pedro de Assis a cumprir 13 anos e 11 meses de reclusão em regime fechado por ter cometido ato libidinoso de conjunção carnal artigo 214 CP. 

    Segundo informação da polícia, em agosto de 2005, no Jardim Santa Maria, em Salto de Pirapora, Cleide Pereira de Assis, a esposa de Pedro de Assis flagrou ele (Pedro de Assis) deitado na cama com a filha do casal de 09 anos; a mulher perguntou a menina o que estaria acontecendo, a menina respondeu que seu pai teria acariciado sua genitália e lhe beijado. 

    A condenação ocorreu pela Justiça de Sorocaba porque em 2005 não existia Fórum em Salto de Pirapora, os processos tramitavam no Fórum de Sorocaba. 

Depois de ser capturado e levado para registro de captura de procurado na Delegacia de Salto de Pirapora, o apenado Pedro de Assis foi encaminhado para Cadeia Pública em Pilar do Sul, que abriga acusado ou condenado por crime contra os costumes; a unidade prisional é cadeia transitória, futuramente Pedro de Assis será transferido para outra unidade prisional. 

    Quem ler jornal só sabe notícia amanhecida, leia Sorocaba Notícia aqui a notícia é da hora! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário