quinta-feira, 21 de fevereiro de 2019

Desfecho do Crime - Mulher que assassinou a prima em Pilar do Sul é condenada a 6 anos


    PLENÁRIA DO TRIBUNAL DO JÚRI, quinta-feira, 21/02, em Pilar do Sul, reconheceu culpabilidade por homicídio simples artigo 121 CP e condenou Amanda de Oliveira Nunes Gabriel a cumprir 06 anos em regime aberto. O juiz Ricardo Augusto Galvão de Souza definiu regime aberto ao aplicar detração penal (contabilizou período dela presa desde flagrante).

    Amanda será posta em liberdade, mas durante 06 anos, ela deverá se apresentar a cada quatro meses ao Fórum para confirmar ou atualizar seu endereço, informar sua vida social, não deve frequentar bar, recolher-se em sua residência até às 22h e se necessitar viajar para outro estado deverá solicitar autorização à Justiça.

    A pena foi imposta porque Amanda desferiu golpe com faca atingindo o tórax de sua prima Elisandra Vitória Cassia de Oliveira; fato ocorrido num churrasco em 02 de dezembro de 2017, no Bairro Boa Vista, em Pilar do Sul. Elisandra chegou na Santa Casa da cidade morta. A polícia prendeu Amanda. 

    Quem comete crime está sujeito a pão de angústia é água de amargura!   

Nenhum comentário:

Postar um comentário