quinta-feira, 7 de fevereiro de 2019

DIG esclarece latrocínio no Centro de Itapetininga


    FINAL DA MANHÃ DE SEGUNDA-FEIRA, 05/02, a aposentada Patricia Nunes de Paula, 60 anos, residente no Centro de Itapetininga, foi encontrada caída em sua casa apresentando contusão na cabeça. A polícia soube que um indivíduo teria saído da casa dela levando um televisor e contratou moto táxi em frente ao Cofesa Supermercado. No mesmo dia Patricia faleceu no hospital.

    O delegado Agnaldo Nogueira Ramos solicitou imagem do ponto de moto táxi e identificou o morador de rua e usuário de droga Fábio Adriano Gomes Domingues de 18 anos. Ao identificá-lo, o delegado solicitou captura do indivíduo. Terça-feira, 06/02, uma equipe da Polícia Militar capturou Fábio Adriano e o conduziu para DIG.

    Indagado a respeito do fato, Fábio Adriano alegou que arrombou uma porta da residência pela manhã pretendendo subtrair aparelho, estando no interior da residência encontrou a moradora e ela reagiu havendo confronto físico, ela caiu batendo a cabeça num móvel; ele pegou um televisor e contratou o moto táxi. 

    O delegado pediu a prisão temporária dele; a justiça ordenou a prisão por trinta dias. De acordo com entendimento do delegado, o indivíduo cometeu roubo seguido de morte e pode ser punido com reprimenda de 20 a 30 anos, artigo 157 do Código Penal na parte final do 3º  parágrafo. Policias da DIG fazem diligências na tentativa de encontrar quem adquiriu o televisor roubado.

    Segredo da credibilidade é ser fiel ao fato! 

Um comentário: