quarta-feira, 10 de julho de 2019

Piedade - Os bandidos que fizeram dono de restaurante e os clientes reféns

    OS SEIS CRIMINOSOS que fizeram refém o dono do restaurante e os clientes do estabelecimento em Piedade vão responder por tentativa de homicídio artigo 121 combinado com artigo 14 C.P porque atingiram com tiros dois policiais rodoviários federais na Rodovia Regis Bittencourt, quando tentaram roubar uma carga de defensivos agrícola. 

    Após o roubo frustrado eles fugiram abordo de um Corola em direção à Juquiá. Abandonaram o Corola e roubaram um veículo Ranger e abordo desse veículo seguiram fugindo em direção à Tapiraí, por isso também responderão por roubo majorado com agravante do concurso de agentes artigo 157 C.P.

    O veículo Ranger passou em Tapiraí e seguiu para Piedade pela Rodovia SP 79, perceberam que estavam cercados, os criminosos dispararam contra viatura da PM e em direção ao helicóptero Águia da PM, felizmente nenhum policial ferido, depois disso os criminosos abandonaram o veículo Ranger e entraram num posto de combustíveis em seguida invadiram a Conveniência e Restaurante Refúgio da Neblina (no interior do posto de combustíveis) situado no Km 135 da Rodovia SP 79 próximo da base da Polícia Rodoviária em Piedade e renderam o proprietário do restaurante e clientes.

    Viaturas da Polícia Militar cercaram o local e a polícia iniciou diálogo para que os criminosos liberassem as vítimas e se entregassem. Minutos depois do diálogo os criminosos liberaram as vitimas e se entregaram. Os bandidos estavam armados com pistola e fuzil. Nenhum refém ferido. Um dos criminosos apresentava ferimento em duas partes do corpo, ele foi levado ao pronto-atendimento da Santa Casa de Piedade, onde recebeu atendimento. O caso foi registro no Plantão Policial Zona Norte de Sorocaba.

    Os nomes dos criminosos: Cicero José Maciel, Isaías Gale, Domingos Mesquita de Carvalho, Davi Ramos, Samuel Ricardo Lourenço, Anderson Luiz da Silva; todos são de Carapicuíba-SP e Osasco-SP. O caso ocorreu terça-feira pela manhã, 09/07.

Nenhum comentário:

Postar um comentário