segunda-feira, 2 de dezembro de 2019

Desfecho do Crime/Sorocaba - Responsáveis pela morte do metalúrgico Rafael Batista são condenados


    DOIS MARGINAIS apontados como responsáveis por roubo qualificado e latrocínio, que vitimou o metalúrgico Rafael Dias Batista, são condenados pela Justiça. Os crimes ocorreram em outubro de 2018, no Bairro Villaggio Torino, em Sorocaba.

    Quatro indivíduos: dois rapazes e dois adolescentes após renderem um casal e levarem um celular, tentaram render o metalúrgico Rafael Batista que depositava lixo num conteiner em frente sua residência no mesmo bairro. Durante o assalto, um deles acionou a arma atingindo o metalúrgico, que acabou falecendo. Fugiram. 


    Durante curto período a Delegacia de Investigações Gerais de Sorocaba capturou os autores. Em 23 de outubro deste ano, a 3ª Vara Criminal de Sorocaba impôs a sentença: Felipe Proença Bomfim condenado a 32 anos e 04 meses de reclusão e Bruno Vieira Silva dos Santos apenado a cumprir 49 anos e 11 meses; os crimes atribuídos são: corrupção de menor artigo 244-B do ECA, roubo qualificado e latrocínio artigo 157 C.P. 

    Quem comete crime está sujeito a pão de angústia e água de amargura! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário