quinta-feira, 27 de agosto de 2020

Ibiúna - Rapaz agredido com pauladas sofreu traumatismo craniano e morreu no hospital

Suposto Autor Guilherme


    MORADORES DO BAIRRO PARURU na periferia de Ibiúna setem comoção por causa da violência sofrida por um rapaz que coletava materiais recicláveis para garantir seu sustento. Trata-se de Daniel Dias Lopes. Segundo afirmativa de moradores, Daniel desentendeu com Guilherme Gomes do Carmo, que também coletava materiais recicláveis, o motivo do desentendimento seria por causa dos materiais que ambos coletavam. Não se sabe os detalhes.

    Ainda conforme relato de moradores, no início da tarde de segunda-feira, 24/08, Guilherme em companhia de outro indivíduo ainda não identificado, foram procurar Daniel e ao encontrá-lo desferiram golpes com pedaço de madeira. A vítima sofreu ferimentos graves. Os agressores saíram rapidamente do local. O pai de Daniel acionou a unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, e esta levou a vítima ao Hospital de Ibiúna, depois houve transferência para um hospital em Sorocaba. 

    Na noite da data do espancamento (24), uma equipe da Guarda Civil Municipal patrulhou pelo bairro e numa via pública abordou Guilherme que carregava uma bolsa contendo 451 porções de cocaína, crack, maconha, e dinheiro supostamente do tráfico. A guarnição deteve Guilherme. Mas a guarnição não tinha informação que Guilherme e outro indivíduo espancaram Daniel. A vítima permanecia hospitalizada. No dia seguinte (25) Daniel não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital. A declaração de óbito consta que Daniel sofreu traumatismo craniano.

    Notícia sem detalhe não é verdadeira, é suposição!  


Nenhum comentário:

Postar um comentário