domingo, 2 de agosto de 2020

Polícia Militar-SP - Estudo mostra ser desnecessário policial aplicar golpe mata-leão para contenção de suspeito

    A POLÍCIA MILITAR de São Paulo criou um grupo de estudos formado por especialistas para analisar as mais modernas e eficientes técnicas de contenção durante as detenções de suspeitos. A medida busca aperfeiçoar ainda mais a prestação de serviço à sociedade e modernizar os protocolos de atuação.

    O primeiro resultado do estudo foi a suspensão da chave cervical, conhecida popularmente como “mata-leão”, que não será mais utilizada pelos policiais. 

    A PM realiza estudos permanentes para aprimorar seus procedimentos operacionais e administrativos. Todos os policiais passam por rigoroso treinamento, com estágios de aperfeiçoamento que são realizados periodicamente. O policial aprende diversas técnicas de defesa pessoal, as quais continuarão sendo usadas sempre que necessário. 

    Vale destacar que a PM também investe constantemente em equipamentos de menor potencial ofensivo, que são colocados à disposição do policial  a fim de garantir a eficiência na prestação do serviço. 

    Assessoria de Imprensa e Comunicação da Secretaria da Segurança Pública

Nenhum comentário:

Postar um comentário