segunda-feira, 16 de novembro de 2020

Pilar do Sul - Justiça manda novamente prender o advogado Eduardo Freitas, condenado por envolvimento sexual com secretária adolescente dentro do Escritório de Advocacia

 


    O ADVOGADO Eduardo de Freitas Santos, 51 anos, está de novo em prisão, por ter relação sexual com sua secretária adolescente dentro do Escritório de Advocacia dele, na Rua Orlando de Almeida Sales, Bairro Campo Grande, em Pilar do Sul. 

    Imagens da relação sexual foram publicadas no whatsApp e viralizou. O caso gerou dois processos criminais. Por causa de um processo a justiça mandou prendê-lo ainda na fase do inquérito. Eduardo fora libertado meses depois antes da fase final do julgamento. 

    Após a formação da culpa a justiça o condenou em regime semiaberto (trabalhar de dia e dormir a noite em prisão). Sua captura para cumprimento da sentença ocorreu em outubro de 2019. 

    Há seis meses,  o segundo processo transitou em julgado com a sentença condenatória no mesmo regime (semiaberto). O advogado deveria se apresentar. Não apresentou-se. O juiz mandou prendê-lo para execução da sentença. 

    A captura de Eduardo Freitas ocorreu sexta-feira pela manhã, 13/11. Os policiais militares Samuel e Adilson foram até a residência dele na Avenida José de Nóbrega, no Jardim Máximo, em Pilar do Sul e capturaram-no. Ao término do registro de captura de procurado, o delegado Milton Andreoli encaminhou o Eduardo Freitas ao CDP-II em Sorocaba.

    Aqui a notícia chega chagando!

Nenhum comentário:

Postar um comentário