quarta-feira, 5 de maio de 2021

Piedade - Amigos do vigia Edson fazem vaquinha para pagamento de aluguel; Sorocaba Notícia identificou que Prefeitura paga outro vigia sem trabalhar

 


    APÓS ABANDONAR TRATAMENTO PARA INIBIR DEPENDÊNCIA DE BEBIDA ALCOÓLICA, o vigia Edson Gottim Rodrigues (foto) vive necessidades em seu lar. Colegas de trabalho e amigos fazem arrecadação financeira para pagamento do imóvel alugado onde ele e a família residem em Piedade. 

    Edson está sem salário desde março deste ano quando recebeu da Prefeitura apenas  R$ 82,00. 

    Um amigo do Edson realizou agendamento online para perícia no INSS, mas ainda não existe data para perícia.  Em razão da demora para perícia, Edson tentou retornar ao trabalho. A Prefeitura exigiu laudo do INSS informando que ele estaria apto para trabalhar, como não aconteceu perícia Edson não pôde atender a exigência, sendo assim a Prefeitura negou recebê-lo à laborar. 

    O servidor afastado tentou convencer a Prefeitura à encaminhá-lo para atendimento da médica do trabalho ou psiquiatra do CAPS em Piedade, porém até o momento sem êxito. 

    Não se deve expressar que a tratativa do caso ocorre de maneira ilegal, contudo observa-se estar havendo falta de bom senso que poderia encontrar solução. Sorocaba Notícia enviou mensagem de e-mail solicitando esclarecimento dos fatos, e por telefone a assessoria de imprensa da Prefeitura confirmou recebimento do e-mail, todavia a Prefeitura silenciou. 

         Prefeitura paga salario de outro vigia sem ele trabalhar

    Sorocaba Notícia apurou com informações oficiais que desde janeiro de 2021, a Prefeitura de Piedade paga salário ao vigia Alexandre Prestes Oliveira, sem escalar o vigia nos postos de trabalho. A confirmação do fato está no Portal da Transparência da Prefeitura e na escala de vigias: janeiro, fevereiro, marco, abril. 

    Colegas e outros servidores comentam de modo debochado: Alexandre é parente de político talvez seria essa a motivação para ele não receber do INSS e receber seu pagamento da Prefeitura sem trabalhar. Sorocaba Notícia ligou para o chefe dos vigias, Aristeu,  ele afirmou desconhecer parentesco de Alexandre com algum político de Piedade; Aristeu  confirmou que desde o início da atual gestão o vigia Alexandre não é inserido na escala dos vigias. 

    Alguém precisa provocar o ministério público para este questionar a Prefeitura, no caso de identificado pagamentos indevidos no período inicial deste ano; mover ação para os responsáveis ressarcirem o erário, e imposição de outras consequências jurídicas. 

    Merece repúdio!   

Nenhum comentário:

Postar um comentário