quarta-feira, 12 de janeiro de 2022

Estado-SP - Policiamento rodoviário comemora 74 anos

 


     SEGUNDA-FEIRA, 10/01, a Polícia Militar de São Paulo comemorou 74 anos do policiamento rodoviário e o Dia de Policial Militar Rodoviário, imprescindíveis no combate ao crime e na garantia da segurança pública e viária nos mais de 22 mil quilômetros de rodovias estaduais.

    Esta modalidade de policiamento nasceu em 1948, com o seu primeiro comandante: tenente PM José de Pina Figueiredo. Depois, em 1962, seus integrantes se juntaram a então Força Pública do Estado, sob denominação de Corpo de Policiamento Rodoviário. 

    Atualmente, com o nome de Comando de Policiamento Rodoviário (CPRv), a unidade especializada conta com seis batalhões, 126 unidades operacionais, uma frota de quase 800 veículos e um efetivo composto por aproximadamente 3,5 mil homens e mulheres que possuem uma data especial em sua homenagem, também comemorada no dia 10 de janeiro.

    Mas não são só o aniversário do CPRv e o Dia do Policial Militar Rodoviário que devem ser celebrados. O Estado também comemora o maior volume quantidade de drogas apreendidas pelo policiamento rodoviário desde o início da série história, em 2004: 164,5 toneladas ao longo de 2021. Esse resultado é 13,47% maior do que o registrado em 2020, quando foram apreendidas 145 toneladas de entorpecentes. 

    O trabalho permanente dos policiais militares rodoviários permitiu ainda a apreensão de 20,3 milhões de maços de cigarros e de 260 armas de fogo. Ao todo, 3.916 pessoas foram presas em flagrante pelo Comando de Policiamento Rodoviário. 

                 Educação no trânsito

    Outro ponto a ser comemorado é a atuação educativa do CPRv que, alinhado à Segunda Década de Ação pela Segurança no Trânsito, definida para os anos de 2021 a 2030, realiza fiscalizações e orientações a motoristas a fim de contribuir com a redução de lesões e mortes causadas por acidentes. 

    Além disso, o policiamento rodoviário da PM também trabalha alinhado ao Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesões no Trânsito (PNATRANS), por meio do conceito “Visão Zero”, o qual tem como objetivo compreender mais profundamente as causas das fatalidades e das lesões para preveni-las.

    Ainda no aspecto educativo, o Comando lançou a 50ª edição do tradicional Calendário Institucional do Policiamento Rodoviário, com o intuito de reforçar e sensibilizar as pessoas sobre às condutas adequadas para a melhoria dos níveis de segurança no trânsito rodoviário. Nesta edição, com o tema “Juntos Salvamos Vidas”, as campanhas educativas de trânsito serão realizadas de janeiro a dezembro deste ano.

    Reproduzido da Secretaria de Segurança-SP

Nenhum comentário:

Postar um comentário