sábado, 30 de abril de 2022

São Paulo monta esquema de segurança para manifestações de 1º de maio

     FORÇAS DE SEGURANÇA do Estado de São Paulo contarão com um esquema especial de policiamento para as manifestações previstas para domingo, 01/05, na Avenida Paulista e na Praça Charles Miller. Além do policiamento regular da capital, um efetivo com 840 policiais atuará a fim de proteger as pessoas, preservar patrimônios e garantir o direito de ir e vir, bem como o de livre participação nos atos e a fluidez no trânsito.

    Para isso, o patrulhamento será intensificado desde as primeiras horas no local e também nas imediações das estações do Metrô. No restante da Capital e Estado, o policiamento preventivo e ostensivo também está preparado para garantir a segurança da população.

    Nas duas manifestações serão mobilizados PMs de batalhões territoriais e especializados, com apoio de 128 viaturas, dois caminhões blindados (“guardião”), veículos lançador de água, cinco cães, 20 cavalos e dois drones. Participarão da operação equipes dos Comandos de Policiamento da Capital (CPC), de Trânsito (CPTran), de Choque (CPChq), do Corpo de Bombeiros (CCB), além do CavPM que apoiará com um helicóptero Águia. 

    Além disso, integrarão o esquema uma equipe de mediadores da PM – agentes que terão o papel de facilitar a comunicação com os manifestantes. Esses policiais estarão vestindo um colete azul. 

    As ações serão monitoradas pelo sistema Olho de Águia, por meio de câmeras fixas, móveis, motolink e bodycams, e acompanhadas diretamente da Sala de Comando e Controle que será instalada no Centro de Operações da PM (Copom). As delegacias territoriais também estarão preparadas para atender a população e registrar celeremente todas as ocorrências, se necessário.  Haverá revista pessoal e mochilas serão vistoriadas em virtude da proibição do porte de objetos que possam atentar contra a vida dos demais presentes nas manifestações, população em geral e policiais.

    Reproduzido da Secretaria de Segurança-SP

quarta-feira, 27 de abril de 2022

São Miguel Arcanjo - Cabeleireiro é executado enquanto trabalhava



    POLÍCIA MILITAR REGISTROU execução sumária do cabeleireiro Carlos Henrique Lima dos Santos, apelidado por Malbec (foto). O cabeleireiro morava e trabalhava na Nova Vila Rica. Malbec havia acabado de cortar o cabelo de um cliente e o cliente ainda permanecia no salão de cabeleireiro conversando com Malbec. 

    Um indivíduo estacionou a moto na rua e manteve o capacete na cabeça, em seguida o derramador de sangue entrou no salão empunhando uma arma de fogo e efetuou disparos. Mais de cinco tiros feriram Malbec, que não resistiu.  

    O cliente que é testemunha ocular  do crime assustou-se e apresentou estado de choque. Após os tiros o criminoso montou na moto e saiu do local. O homicídio ocorreu terça-feira à noite, 26/04. Malbec havia saído da cadeia há quatro meses. Ele era suspeito de crimes contra o patrimônio.  

    Notícia sem detalhe não é verdadeira, é suposição!

segunda-feira, 25 de abril de 2022

São Paulo=-SP - Estatística aponta redução de mortes intencionais no primeiro trimestre de 2022

     SÃO PAULO terminou o primeiro trimestre de 2022 com redução no número de casos e vítimas de homicídios dolosos, 5,1% e 5,2%, respectivamente, assim como nos casos de estupro (-1,5%), latrocínio (-2,3%) e roubos a banco, que caíram de 6 para 3 ocorrências.

    No mês de março, o número de vítimas de mortes intencionais, bem como os casos e vítimas de latrocínios caíram. Também houve redução nos roubos a banco e de carga. Extorsões mediante sequestro permaneceram estáveis e a quantidade de prisões aumentaram.

    O número de vítimas de homicídios dolosos caiu 1,2% no mês passado, em comparação com março de 2021, passando de 249 para 246 – o menor total desde 2001. O índice de casos, por sua vez, oscilou de 237 para 241.

    Com os resultados, as taxas dos últimos 12 meses (de abril de 2021 a março de 2022) recuaram para 6,02 ocorrências e 6,32 vítimas de mortes intencionais para cada grupo de 100 mil habitantes. As duas somatórias são as menores da série histórica, iniciada em 2001.

 

quarta-feira, 20 de abril de 2022

Pilar do Sul - Moradores do Jd Cananeia e Reunidas reclamam falta de transporte público

     DESDE que a Viação Estevam assumiu o transporte de passageiros em Pilar do Sul a empresa sinaliza que ainda não identificou a demanda de transporte público no Jardim Cananeia e Chácaras Reunidas. 

    Moradores dos dois bairros reclamam falta de ônibus aos sábados, domingos e feriados. Eles afirmam que antes da Viação Estevam a empresa que operacionalizava o transporte público de passageiros disponibilizava carros aos finais de semana e feriados. 

    Já houve reclamação da situação junto a prefeitura, mas não aconteceu solução. Outra reclamação é a respeito do ônibus que realiza horário das 08H20 e não circula em algumas ruas do Jd Cananeia, fato que não acontecia antes. "Esperamos que os dois apontamentos sejam resolvidos pela Prefeitura ou por Viação Estevam, se não ocorrer, nos reuniremos para intensa manifestação em frente ao Paço"; disse uma moradora.

    Merece solução

Justiça-SP - Proprietário de imóvel é condenado por rescisão imotivada do contrato de locação



    A VARA DO JUIZADO ESPECIAL CÍVEL de Santa Fé do Sul condenou proprietário a indenizar locatário por rescisão antecipada de contrato de aluguel.  A reparação por danos morais foi fixada em R$ 10 mil, além de multa de R$ 2.558 a título de compensação pelas despesas.

    Consta dos autos que, apenas 21 dias depois de firmar contrato de um ano de aluguel, o locador foi surpreendido com uma notificação determinando a desocupação do imóvel. O inquilino foi informado que, caso não o fizesse no prazo de 30 dias, seria ajuizada ação para retomada do imóvel.


    Em sua decisão, o juiz Vinicius Nocetti Caparelli destacou que a lei veda expressamente rescisão contratual imotivada pelo locador. “No presente caso, sequer houve estipulação contratual de rescisão imotivada pelo locador. A multa rescisória paga, inclusive, foi fixada de forma unilateral pelos réus, na medida em que sequer houve estipulação no instrumento”, escreveu.


    “Depois de mudar-se, de acomodar-se, faltando cerca 15 dias para o fim de 2021, às vésperas do Natal e Réveillon, o requerente foi surpreendido com a exigência de desocupar o imóvel, sendo ainda essa exigência travestida de hipótese legalmente prevista e com teor intimidatório. Mais do que mero descumprimento contratual, mais do que inobservância da lei, houve falta de respeito, de empatia. Os transtornos decorrentes do ato perpetrado pelos réus, portanto, ultrapassam qualquer limite tolerável, de modo que a reparação por danos morais é viável no caso em espécie”, concluiu o magistrado.


    Reproduzido do Tribunal de Justiça-SP     


terça-feira, 19 de abril de 2022

Estado-SP - Em 3 anos, redução de 67% de roubos em bancos

     OS CASOS de roubo a banco em São Paulo estão em queda sustentada ao longo dos últimos anos. Antes do início da atual gestão, em 2018, foram registradas 54 ocorrências dessa natureza no Estado. No ano passado, com os investimentos e a modernização das forças policiais, esse número caiu para 18, uma diminuição de 67%.


    Mais do que reduzir a incidência desses crimes, as forças de segurança de São Paulo têm conseguido desarticular quadrilhas e prender líderes desses bandos que atuam em todo o território nacional. Só em 2021, mais de 60 criminosos envolvidos com a prática de roubo a banco foram presos no Estado.

    Esses resultados são fruto da política de segurança implementada pelo Governo de São Paulo, que tem modernizado e ampliado as polícias paulistas. Desde 2019, dez novos Batalhões de Ações Especiais de Polícia (BAEP) foram inaugurados e 12 novas Divisões Especiais de Investigação Criminal (DEIC), contemplando cada uma das regiões de policiamento no estado.

    Pela primeira vez na história, as polícias do Estado contam com viaturas blindadas – são 175 no total já em operação. Foram adquiridos também novos equipamentos de tecnologia e inteligência policial, além de armamentos de última geração como pistolas Glock, submetralhadoras, fuzis .556 e .762 e demais instrumentos para combater a criminalidade. Ao longo desses 40 meses de gestão já são mais de R$ 1,1 bilhão   investidos para garantir a segurança dos paulistas e de todos os brasileiros que moram ou trabalham em São Paulo.

    Reproduzido da Secretaria de Segurança-SP

segunda-feira, 18 de abril de 2022

Sorocaba - Prefeitura cria Poupatempo Empreendedor visando agilizar ampliação e abertura de empresas



    PREFEITURA DE SOROCABA acaba de criar o chamado programa “Poupatempo Empreendedor”, uma iniciativa com o objetivo de diminuir a burocracia em processos administrativos da Administração Municipal, dando agilidade à análise de propostas de instalação ou ampliação de empreendimentos nas áreas industrial, comercial e de prestação de serviços, considerados especiais e de relevante interesse para o município. 

    A medida está prevista no Decreto Municipal nº 26.979/2022, publicado na edição de quarta-feira, 13/04, do jornal “Município de Sorocaba”. A implantação e execução do programa caberá ao Grupo de Análise Conjunta de Projetos Especiais (GAPE), também recém-criado pela nova legislação, sob a coordenação da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo (Sedettur). O GAPE será composto por técnicos das secretarias de Urbanismo e Licenciamento (Seurb); Serviços Públicos e Obras (Serpo); Fazenda (Sefaz); Meio Ambiente, Proteção e Bem-Estar Animal (Sema); Saúde (SES), além da Urbes – Trânsito e Transportes e do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae).

    “Com esse processo, incentivamos a instalação de empresas de forma mais ágil, sendo possível o diálogo entre todos as partes envolvidas, fazendo com que a Administração Municipal participe de forma ágil no projeto, aproximando e entendendo o cronograma de instalação ou ampliação. Para o setor privado, a agilidade significa redução de custos e, para o Poder Público, implica em ampliação de investimentos, geração de empregos e renda na cidade”, pontua o prefeito Rodrigo Manga.

    À frente da Sedettur, o secretário Robson Coivo ressalta a importância de aperfeiçoar os instrumentos de aprovação de empreendimentos que exigem integração dos setores e estudos técnicos específicos. “Essa iniciativa surge a partir da urgência em promover novos empregos, o desenvolvimento econômico e o bem-estar da população, sempre considerando a necessidade de crescimento planejado da cidade, de forma social, econômica e ambientalmente sustentável”, explica. 

    Conforme a legislação, para efeito de análise pelo GAPE, serão considerados projetos especiais os empreendimentos que se enquadrarem em, pelo menos, duas das seguintes características: área construída acima de 5 mil metros quadrados; investimento acima de R$ 5 milhões e número de funcionários diretos acima de 100. 

    Nestes casos, em geral, o GAPE estará responsável por gerenciar todos os trâmites do processo de instalação ou ampliação de empresas e empreendimentos, que exijam avaliação de diferentes órgãos municipais. Isso, desde o recebimento de pedidos para análise, bem como os trâmites de questões de viabilidade, aprovação de projetos, licenciamentos, coordenação de reuniões e contato direto com o solicitante.

    O GAPE terá caráter consultivo, composto por três Câmaras de Discussão: de Prospecção; de Análise de Projetos e de Conclusão e Controle de Projetos. No decorrer do processo, cada Secretaria terá prazos que variam de cinco dias corridos a, no máximo, sete dias úteis, para manifestar sobre a viabilidade de instalação e ampliação da empresa, segundo análise de processos administrativos internos, desde que sempre apresentada a documentação necessária.

    O GAPE deverá ser acionado, também, quando a empresa solicitar a emissão da Conclusão de Obras, considerando a necessidade de manifestação de todos os departamentos envolvidos na aprovação de projetos, bem como a sua celeridade. Caso seja interesse da empresa pleiteante, o GAPE assegurará, inclusive, a confidencialidade do processo, por meio da assinatura do termo de não divulgação, cuja prática já é adotada atualmente pela Prefeitura de Sorocaba.

    O secretário lembra, ainda, que o marco regulatório de uma empresa, dentro da instituição pública, é um processo burocrático e que exige o cumprimento de várias etapas até a sua finalização. “Há definição de regras e as formas de análise diferem caso a caso e, inserindo o GAPE e observando todas as fases do processo, torna possível determinar prazos mais ágeis e o município se torna cada vez mais competitivo, pronto e organizado a receber novo empreendimentos”, complementa Robson Coivo.

    Reproduzido da Prefeitura de Sorocaba

segunda-feira, 11 de abril de 2022

Estado-SP - Câmeras corporais reduz resistência de abordados e minimiza possibilidade de cofronto com policiais

     LEVANTAMENTO DA POLÍCIA MILITAR de São Paulo revela que o uso das câmeras operacionais portáteis (COP) contribui diretamente para ampliar a segurança dos policiais em serviço. De acordo com os dados analisados, entre os meses de junho e outubro, ao longo dos últimos três anos (2019-2021), as ocorrências de resistência às abordagens policiais caíram 32,7% nos batalhões que utilizam os equipamentos. A queda é 13 pontos percentuais mais acentuada do que a observada em unidades que não contam com a tecnologia, que caiu 19,2% no mesmo período.

    Outro dado que chama atenção na análise é a redução no número de confrontos, preservando diretamente a vida dos policiais. Entre os batalhões que contam as câmeras acopladas aos uniformes, a redução dessas ocorrências foi de 87% - resultado 10 vezes mais expressivo do que o apurado nas unidades que não dispõem das bodycams.

    Embora associada à redução do uso da força e da letalidade policial, as câmeras corporais despontam também como um importante instrumento de defesa e segurança do policial. Mais do que o efeito dissuasor das COP frente aos criminosos, a tecnologia embarcada nos dispositivos utilizados pela PM paulista, que permite transmissão de áudio e vídeo em tempo real, bem como a localização via GPS, garante uma análise detalhada do cenário de atuação dos policiais em situações de risco e/ou emergência. 

                Produtividade

    Relevantes na proteção jurídica e física dos policiais, as câmeras operacionais portáteis também contribuem para a ampliação da produtividade operacional. De acordo com os dados analisados pela PM paulista, os números de flagrantes e de apreensões de armas de fogo foram 41,4% e 12,9% maiores, respectivamente, entre os batalhões equipados com câmeras.

    Reproduzido da Secretaria de Segurança-SP

quarta-feira, 6 de abril de 2022

Piedade - Justiça determina secretário de saúde agendar atendimento médico à uma vigia da Prefeitura

 


    SECRETÁRIO DE SAÚDE Silvio Novaes Garcia será intimado a cumprir liminar assinada pela juíza Francisca Cristina de Abreu, do Fórum de Piedade. O secretário deverá agendar atendimento para um cardiologista da Rede Pública de Saúde atender a vigia da própria Prefeitura D. G. A. Em caso de descumprimento a multa será R$ 500,00 por dia. 

    A vigia tentava encaxe para ser atendida por cardiologista na Rede Pública de Saúde desde março deste ano e não conseguia. A vigia constituiu advogado e este registrou duas notificações solicitando informações a respeito dos fatos e providências, mas o secretário não respondeu. Por esse motivo o advogado impetrou mandado de segurança atribuindo responsabilidade ao secretário de Saúde. 

    Após ser intimado o secretário deverá agendar atendimento da vigia com um cardiologista em até 72 horas e em seguida informar o agendamento ao advogado da vigia ou à própria vigia. Nesta quarta-feira, 06/04, Sorocaba Notícia, contatou com a vigia e ela informou ainda não ter sido informada a respeito do agendamento da consulta.

    Aqui  a notícia chega chegando!

terça-feira, 5 de abril de 2022

Salto de Pirapora - Frentista é preso após tentar matar ex-esposa atropelada, o carro também atingiu uma amiga da ex-esposa dele

 


    DELEGADO Gilberto Montenegro Costa Filho, titular da Delegacia de Salto de Pirapora, prendeu em flagrante o frentista Rodrigo França de Almenida, 37 anos, logo após Rodrigo na condução de um Gol vermelho tentar matar sua ex-esposa Ana Paula Feliciano Soares de 34 anos. 

    O automóvel também atingiu uma amiga de Ana Paula, Elza Vieira dos Santos Santana de 51 anos. As duas tentavam atravessar a rua ao lado do Estádio de Futubol, e sofreram impacto pelo carro dirigido por Rodrigo. O fato ocorreu terça-feira à tarde, 05/04. 

    Alguém acionou policiais civis que prontamente realizaram diligência e detiveram o condutor Rodrigo. Ao ser indagado pelos agentes, Rodrigo afirmou "fiz uma cagada". No local dos fatos, os policiais visualizaram as duas vitimas sendo socorridas e levadas para a Santa Casa da cidade. Uma testemunha ocular relatou detalhes do fato e acrescentou que Rodrigo (na foto) já teria tentado matar a ex-esposa em outra data.

    No início da noite, Sorocaba Notícia soube que as duas mulheres aguardavam vaga para unidade hospitalar em Sorocaba. Informação quente é que Ana Paula sofreu fratura na perna, trauma na cabeça e hematoma no olho, a vítima Elza sofreu fratura no braço. Rodrigo e as vitimas moram em Salto de Pirapora. 

    Notícia sem detalhe não é verdadeira, é suposição

segunda-feira, 4 de abril de 2022

Sorocaba - Convênio Estado e Município garante Clínica Pública Veterinária na zona norte da cidade

 


    PREFEITURA DE SOROCABA por meio da Secretaria de Meio Ambiente, Proteção e Bem-Estar Animal (Sema) definiu, junto ao Governo do Estado, o terreno onde será construída a Clínica Pública Veterinária, do programa estadual “Meu Pet”. A área, localizada na Avenida Betsaida, na Zona Norte da cidade, foi cedida ao Governo do Estado, por meio da Lei Municipal nº 12.518, de 22 de março de 2022, para a construção e instalação da clínica.


    “Essa é mais uma importante conquista para a nossa cidade e uma vitória para as famílias sorocabanas que possuem pets, mas não têm condições financeiras para pagar altos custos de tratamentos para seus animaizinhos. Agradeço, mais uma vez, ao Governo do Estado pela parceria e à deputada Maria Lucia Amary por essa articulação”, declara o prefeito Rodrigo Manga.


    Segundo informa o Governo do Estado, a Clínica Pública Veterinária contará com salas cirúrgicas, de medicação, internação e equipamentos para ofertar atendimento aos animais domésticos. Na unidade, serão oferecidos serviços gratuitos para cães e gatos, como consultas clínicas, cirurgias, exames de ultrassom, raio x e endoscopia, laboratório de análises clínicas, setor de urgência e emergência, além dos serviços de vacinação, castração e adoção responsável.


    O Governo do Estado vai abrir em breve, o processo licitatório para a construção do prédio e a previsão é que a obra seja finalizada até o final deste ano de 2022. O investimento estadual é de cerca de R$ 5 milhões, para construção e aquisição de equipamentos. Já, o Município, além de ceder o terreno público, após concluída a obra, fará a gestão da Clínica Pública Veterinária, por meio de contratação de uma entidade com expertise comprovada para a realização desse trabalho.


    A área pública onde será construída a Clínica Pública Veterinária está localizada na Avenida Betsaida, na confluência com a Rua Nelson Cardoso Marques e a Avenida Betânia, próximo à Casa do Cidadão Ipanema.

    Reproduzido da Prefeitura de Sorocaba